segunda-feira, 11 de abril de 2011

A Super Final do Bloco A - Bacalhau Spirit FC XI

FINAL DO BLOCO A
Homem-Embucha vs. Koelho





Como se derrota uma criatura que não pode ser tocada?
Como se sobrevive a uma criatura que não precisa de desferir golpes para derrotar os seus adversários?

Pergunta ao Koelho.

Para testar o poder do seu oponente, Koelho atira-lhe à cara uma das suas matracas, mas tal como aconteceu com a morning star de Silva Freire, estas transformaram-se em pó assim que ficaram a 1 metro de distância do Homem-Embucha.

Koelho aproxima-se então da criatura, aos saltos, a estudar uma estratégia de ataque. Cheio de convicção tenta umas biqueiradas e cabeçadas, que provocam várias explosões e projectam o Koelho para trás, chamuscado e a fumegar. A Lenda do Bacalhau levanta-se, estava mascarrado e queimado. Nenhum golpe parecia ter efeito, e o calor implacável iria gradualmente e progressivamente destruir o corpo de Koelho.

Koelho tenta então colar às ligaduras da mão cubos de gelo (ele estava a ficar sem opções, ok?). Resultado: os murros não tiveram qualquer efeito.

O calor era cada vez mais intenso e já tinham sido colocadas ventoinhas gigantes na arena. “Tenho sede, vou mas é beber uma Frize e dar o bazofs daqui. O pessoal que trate aí do forno ambulante.”

O Koelho ía-se mesmo embora, mas assim que bebe a Frize sente-se super refrescado, sente-se imune ao calor do Homem-Embucha!! “Tas a gozar… só com uma Frize?!” Hey, o Koelho é o Koelho. O homem que não dá hipótese lança-se sobre a criatura calorífica, e começa a golpeá-la. A Frize faz efeito, e o Koelho não é afectado pelo calor do Homem-Embucha. Mas este ainda era duro que nem cornos… mas a isso já o Koelho está habituado. Demasiado lento para reagir e acertar no Koelho, o Homem-Embucha é desfeito em migalhas, colocado numa arca frigorífica, e com um rotativo voador, projectado em direcção a Plutão. O Koelho chega assim à grande final! Mas quem será o seu adversário? AMP Master ou Doutor ESTB?


Sem comentários:

Enviar um comentário